Contorno: dicas para nunca mais errar

O contorno, step super famoso entre as beauty lovers na produção da make, ainda gera alguns memes na internet. Embora a técnica valorize a maquiagem, se for feita com pinceis e produtos errados, pode ter o efeito contrário ao desejado. Para explicar sobre como acertar no efeito e deixar a produção com finalização profissional, o beauty artist e parceiro Belliz, Rafael Guapiano dá algumas dicas.


AFINAL, QUAL É A FINALIDADE DO CONTORNO?

"O contorno facial serve para valorizar a make, trazendo profundidade e mais destaque para alguns traços, como afinar ou realçar algumas partes do rosto", explica Guapiano.   


PRODUTOS EM PÓ

O primeiro passo para não errar é escolher bem o produto. "Contornos em pó são mais fáceis de aplicar e esfumar, diferente dos líquidos ou em creme, que indico mais para quem tem prática com a automaquiagem. No caso de produtos em pó, as chances de manchar o rosto são bem menores", explica o profissional. Para ganhar luz e sombra, Guapiano sugere uma paleta dois tons acima da cor da pele.


PONTOS CORRETOS

"O contorno deve ser feito na testa, próximo à raiz do cabelo, abaixo das maçãs do rosto, nas laterais do nariz e maxilar", recomenda o parceiro Belliz. Seguindo esses passos, será possível afinar e levantar o nariz, afinar o rosto, diminuir a testa e definir melhor o contorno do maxilar. 


PINCÉIS

A lista de pinceis e aplicadores para contornos é grande. O parceiro Belliz lista abaixo os principais:


Kabuki Reto

"Pinceis retos têm cerdas em maior quantidade, isso ajuda a chegar no resultado esfumado e tirar o aspecto marcado do contorno", comenta o expert, que também recomenda o uso desse pincel para quem deseja uma aplicação com alta cobertura.

Chanfrado

"As versões kabuki chanfradas têm as cerdas inclinadas, mas também conseguem contornar o rosto com suavidade e bem esfumado, deixando o aspecto mais natural", explica o expert. Para maior sucesso, a dica do expert é esfumar o produto aos poucos, até chegar ao resultado ideal.

Pincel de Precisão

"Os pinceis de precisão são bons aliados desse processo por terem cerdas mais firmes e cortes ondulados. Essas características permitem o encaixe perfeito para as áreas do maxilar, testa e maçãs do rosto, facilitando a construção do contorno", indica Guapiano.

FINALIZAÇÃO

Depois de contornar o rosto, o expert dá uma dica fundamental para um acabamento mais natural: "com um pincel maior e com cerdas macias, de preferência limpo para não manchar a pele, finalize polindo as partes onde os produtos foram aplicados para eliminar as possíveis marcas de cerdas", finaliza.









Siga @MarcosGomesBr e fale comigo !